terça-feira, 19 de agosto de 2008

Heróis e ladrões

De agosto a outubro, mergulharemos em um mundo de fantasia onde tudo será possível e todos eles serão capazes de tornar sua vida melhor.


Quem lê o meu blog sabe que eu não sou de falar muito em política, apesar de eu já ter escrito sobre problemas sociais como a deficiência da educação e sobre violência. Política é uma coisa que eu não gosto muito, pois no Brasil, é feita por muita gente corrupta, cujo único objetivo é enriquecer às custas do dinheiro público.


A campanha eleitoral começou há umas duas semanas atrás com as propagandas do TSE que tem como slogan “Quatro anos é muito tempo”. As propagandas são criativas e são metáforas. Vamos pegar como exemplo a propaganda do cometa. O sujeito está lá acampado preparando-se para acompanhar a passagem do cometa. Ele demora, demora e demora mais um pouco. Impaciente, o observador vai para a sua barraca procurar algum objeto. Enquanto ele o faz, o cometa vai passando pelo céu até sumir de vez. Quando o cometa se foi, o observador volta a esperar pela oportunidade de ver o cometa novamente (que não acontecerá tão cedo).


Nessa metáfora, nós somos o observador e a oportunidade de ver o cometa é a oportunidade de elegermos candidatos sérios. O que acontece? Nós ficamos muito tempo esperando pela oportunidade de aparecer novos heróis para que melhorem nossas condições de vida e de onde vivemos e, quando essa oportunidade aparece, que no caso é o período eleitoral, nós a deixamos de lado. Com o fim das eleições, voltamos a esperar por novos salvadores da pátria.


Semana passada, placas e cartazes começaram a pipocar aqui em Palhoça. Uma das mais onipresentes de todas é de uma famosa raposa da política. Mesmo sabendo que esses políticos não contribuem em nada com as melhorias da nossa qualidade de vida e, como se não bastasse, são corruptos, as pessoas se vendem por alguns reais. Sendo muito ou pouco o dinheiro oferecido para fixar uma placa na sua casa, não importa! É dinheiro público! Ninguém deveria admitir que dinheiro público fosse gasto nessas inutilidades! Mas quem se importa com honestidade e com o bem-estar geral? O importante é lucrar e, além do mais, políticos são todos farinhas do mesmo saco e essa é uma boa oportunidade de extorqui-los.


Ontem, nas esquinas do centro de Palhoça, havia várias pessoas segurando enormes bandeiras com o número de seus candidatos políticos. Uma tentativa inútil de conseguir votos afinal, quem seria tão estúpido de votar em alguém só porque uma moça feia, ignorante e obviamente pobre, segurava uma bandeira e ostentava um sorriso que exibe dentes podres e banguelas? Refiro-me as mais simpáticas, pois a maioria fica lá, em pé, com cara de quem está em um enterro.


Horário político na televisão: nada pior do que isso! Os gastos da campanha são maiores e é através da televisão que os candidatos exibem toda a sua incapacidade de ocupar um cargo na política. Muitos não sabem se posicionar em frente às câmeras, falar e se expressar para os eleitores. Dinheiro gasto para financiar ignorantes que nem se elegerão e que se candidataram por alguma razão que nem mesmo eles saberiam lhe explicar. Eles querem aparecer ou usar a política como trampolim para enriquecer?


Estes não são tão perigosos quanto as velhas raposas políticas, que já tem a lábia de comprar votos de pessoas menos instruídas. Eles chegam a usar até mesmo esses eleitores em suas campanhas para falarem das maravilhas que seu candidato fez em sua vida. E tem gente que realmente acredita que eles são pessoas de boa índole! Ah, por favor! Vá ser burro no inferno!


Em toda campanha eleitoral é assim. Um verdadeiro festival de desperdício de dinheiro público para financiar políticos ignorantes e corruptos. Dinheiro que poderia ser usado na construção de novas salas de aula, leitos de hospital, postos policiais entre outros. Mas muita gente não sem importa com isso. Elas apenas querem usurpar desse dinheiro público e não estão nem aí com o futuro se si próprias e da cidade onde moram.


Os políticos esfregam na sua cara que são sim corruptos e que não tem vergonha disso. Enquanto não tivermos vergonha na cara e percebemos que um povo unido em prol de uma sociedade mais justa é mais forte do que um ou dois heróis da política, viveremos sempre esse cenário onde a corrupção, a violência e a ignorância são aceitas normalmente enquanto olharmos para o céu à procura de um novo cometa.

14 comentários:

  1. única coisa tranquila a ser feita:

    Olhar o candidato que vc ache melhor. comparara com outros candidatos.
    ir na internet e fuxicar no Google e ver em que andou rolando o nome de cada candidato, e cada projeto dele irá aparecer, assim como os podres e notícias em jornais online.
    O único problema, são as pessoas votarem por simpatia ou burrice.
    olhar o passado ajuda^^

    abraços.

    ResponderExcluir
  2. Odeio esse período eleitoral :þ
    Fora as musiquinhas horríveis que ficam tocando por ai (e que ficam grudadas na minha cabeça durante dias), tenho que ficar vendo essas propagandas políticas minadas de cinismo. Aqui em Novo Hamburgo, onde eu moro, as bandeiras dos partidos já estão sendo balançadas na nossa cara e o chão já está começando a apresentar o lixo eleitoral.

    Resumindo, é uma porcaria :x

    Aaah, e obrigada por comentar no blog Nerdezas! :B

    Abraços.
    ='-'=

    ResponderExcluir
  3. Essa campanha do TSE
    está perfeita, tomara que o povão consiga entender e vote de maneira consciente e correta.

    www.blowgh.wordpress.com

    ResponderExcluir
  4. opa!
    Edu mostrou a saída para esse problema!^^
    pelo menos resolve o SEU problema, mas não das outras pessoas^^
    eu quero resolver p mim, entãqo minha solução é um pouco mais drástica, envolvendo muitas mortes e o uso da força militar diretamente^^

    mas aí é outro caso rsrsrs
    xD

    ResponderExcluir
  5. moro em cidade de interior e ocorre algo parecido com isso. vilas pobres ostentando bandeiras de partidos - em uma onde há varios moradores funcionários municipais, pipocam bandeiras do que tenta reeleição. Ele, aliás, trouxe um caminhão trio-elétrico para passear pela cidade com se jingle. Os vereadores fazem o mesmo, com bandeiras nos carros e as músicas toscas... e com o fim das olimpiadas isso vai tomar ainda mais nosso tempo!

    quanto ao fantástico, não via há tempos, vi um domingo desses e está bem fraco mesmo. tentam mudar o enfoque jornalistico pra recuperar a audiencia.. mas a minha não volta ainda!

    abraço!

    www.caroneiro.net

    ResponderExcluir
  6. Não entendi porque você não gosta de falar de política, adorei sua opnião.
    Detesto conversar sobre política, acho que cada um tem de ter sua opnião sobre o que é melhor para a sociedade.
    Aqui na cidade, tem um candidato que tem mais de 65 processos criminais contra ele e vai se candidatar a PREFEITO! E é capaz que ganhe!
    Todo mundo sabe que ele é ladrão, mas ladrão rico não pára em cadeia.

    ResponderExcluir
  7. Eu odeio politica e sou meio perdido nesses coisas.
    :S

    ResponderExcluir
  8. Política: um assunto q poucos se importam, mas q muitos reclamam...
    Em relação a compra de votos, o candidato vai lá, oferta algo p eleitor (normalmente de classe baixa)...e depois de eleito se esquece dos eleitores....
    Eleição seguinte: o mesmo político vai lá e compra o voto das mesmas pessoas novamente....
    Na hora de reclamar todo mundo reclama, ma nas horas q podemos demonstrar o mínimo de cidadania, nada é feito!
    Oq um povo sem cultura, educação, q só querem saber de cerveja, futebol e bunda, espera dos seus políticos?
    Um político q dê uma cesta básica de cerveja todo mês?
    Ou quem sabe, um político q sorteie ingressos para ver a mulher melância?
    É nessas horas q a frase " o povo tem o governo q merece" tem razão.

    ResponderExcluir
  9. Oi, Peterson!

    Adorei a sua reflexão sobre política a partir da propaganda do cometa. Não gostava muito de política, mas hj percebo que para termos uma sociedade mais justa e orgzanida temos que batalhar pela concientização das pessoas.

    Muitos não tem acesso as informações que temos. Eu, aqui de Belo Horizonte/Minas Gerais, tento o máximo alertar as pessoas sobre a importância do voto, principalmente no legislativo.

    Aqui,, hj o Café com Notícias, completa 1 ANO. Gostaria de contar com a sua presença lá no blog.

    Grande abraço,

    =]
    __________________________
    http://cafecomnoticias.blogspot.com

    ResponderExcluir
  10. O que esperar de um pais que vota no candidato do primeiro papelzinho que achar na rua no dia da eleição. E ainda diz, "Ah, é só pra nao votar em branco."?

    O que revolta é o lixo visual que todas essas campanhas representam, afinal, é papel e panfletos pra tudo que é lado.

    Cara, seu comentário na postagem "Brasil, Mostra a Tua Cara" causou. Se quiser, depois confere lá.

    Abçs!!!!

    http://emlinhas.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  11. Blz?

    To so voltando por aqui, pra avisar que a Diana voltou a comentar naquele post esclarecendo melhor aquele comentário que ela fez.

    Aquele seu último comentário aparece depois do dela pq estava ativado a moderação de comentários, por isso, qdo vc escreveu, mesmo já pronto o dela, ainda nao estava lá, pq só publiquei os dois ag a noite.

    Confere lá depois.

    Desculpa tá te incomodando de novo com esse assunto.

    Abçs!!!!

    http://emlinhas.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  12. A politicagem não muda ... o rolo compressor é pesado demias para parar ... novs políticos com promessas realmente boas são engolidos pelo "todo" e não conseguem nada....basta votar no menos pior.

    ResponderExcluir
  13. É por aí mesmo, a política é um prato cheio para todo tipo de sacanagem. Mas eles não compram só os votos do pobres não, da classe média e dos ricos também, às vezes de forma não tão direta, mas no final o resultado é o mesmo.

    Política é um mundo que eu conheço relativamente bem, apesar de nunca ter me afiliado oficiamente a nenhum partido. Precisa ter estômago para participar. As pessoas tem nojo e, podem ter certeza, não conhecem 50% do que se passa de verdade.

    abs

    ResponderExcluir
  14. Sempre odiei política, mas depois que comecei a cursar Serviço Social, tenho refletido muito sobre isso. A faculdade é super engajada politicamente, os professores em suma são esquerdistas e estudando o marxismo. Só pra esclarecer, eu não me tornei um esquerdita radical e fanático e nem tento fazer a cabeça das pessoas hehehehe... o que quero dizer é que a facul me oportunizou um outro olhar sobre a mesma coisa, que tem me ajudado a pensar melhor sobre a política, e chego a conclusão de que ela é super importante, mesmo eu a considerando uma merda de corrupção e hipocrisia.

    Ademais, vou tentar votar consciente este ano. Apesar da minha total descrença, a gente tenta =P

    abração!

    ResponderExcluir