domingo, 29 de abril de 2007

Verdades absolutas


Verdade absoluta é uma verdade incontestável, que não há maneira nenhuma de contestação. Uma coisa extremamente complexa.


Vamos imaginar a seguinte situação: você está conversando com uma outra pessoa que afirma que o Universo é infinito, o que é uma verdade absoluta. A partir daí, você procura argumentar, dizendo que o Universo deve ser limitado e que não tem como ele não ter um fim. Ele deve ter um fim! Então, essa pessoa lhe pergunta: onde está esse fim? O que há além dele? Após essas perguntas, você não consegue pensar em nada lógico.


Já ouvi falar sobre uns estudos sobre o limite do Universo. O Universo seria uma bola gigantesca e que estaríamos dentro dela, por isso, não temos a noção de que ele tem um fim. Mas essa teoria também esbarra na pergunta: e o que há do lado de fora dessa bola? Também ouvi falar sobre o que há além do buraco negro, mas isso não tem nada a ver esse post. Talvez nunca iremos saber o que há além do Universo e todas essas coisas sobre ele.


Aliás, a palavra “nunca” sentencia uma verdade absoluta, por isso é uma palavra bem chatinha e quem a usa pode estar mentindo. Lembro-me que o amigo de um amigo meu disse a ele: “eu nunca tive uma dor de cabeça”. A probabilidade de ele realmente nunca ter tido uma dor de cabeça existe, mas é praticamente inexistente. Ele pode ter mentido (que é o que todos achamos) e ter tido uma dor de cabeça a algumas semanas, meses, anos ou quando ele ainda era uma criança e não se lembrava disso. Mesmo assim, há uma possibilidade, mesmo que extremamente remota de ele, de fato, nunca ter tido dor de cabeça, afinal, nunca, mas nunca mesmo, tivemos a cabeça dele para saber. E sabendo que “nunca” é uma palavra que sentencia uma verdade absoluta, seria seguro usar a frase: “nunca diga nunca”?


Tenho ainda mais um exemplo de verdade absoluta: afirmar que, na Língua Portuguesa, nenhuma palavra no plural é menor do que em sua forma no singular. O número de letras seria sempre maior no plural do que no singular. Infelizmente, não conheço nenhuma palavra que quebre essa verdade absoluta. =(


[...]


Agora, gostaria de propor para vocês, leitores, um desafio. Eu os desafio a:

A) Citarem palavras que sentenciem uma verdade absoluta, além das que eu já citei,

B) Darem outros exemplos de verdades absolutas,

C) Tentarem quebrar as verdades absolutas que usei como exemplo.

D) Comentarem esse post.


Na próxima quinta-feira (03 de maio), publicarei um post sobre os comentários. Até lá! =)

16 comentários:

  1. uau...isso eh de fato um grande desafio...eh um post bem complexo esse, agora, responder os desafios eh dificil...mas eu vou pensar mto nisso, e ainda hoje volto pra comentar.

    dpois visita meu blog...

    ResponderExcluir
  2. Putz... acho que vou passar este desafio! Namorei alguns anos com um menino que era filósofo e cansei de tentar descobriri a verdade absoluta, dito que esta não existe... Bem, na verdade, vou te dizer uma verdade absoluta, sera? Não existe pós modernidade... o que existe é uma Hiper modernidade...

    bj

    ResponderExcluir
  3. COMENTEI!!!! 1 ganhei um desafio.
    Eu tenho que concordar´na lingua portuguesa não existe palavra menor no singular do qu eno plural que eu saiba.
    talvez uma giria tipo "o moleque" "Os Leques" rsrsrs, desculpa a cretinice.
    Deixa ver se eu conheço alguma verdade absoluta humm humm.. não conheço, deculpa.

    ResponderExcluir
  4. bem interessante o post...rs
    parabéns pelo blog

    www.up.blog.br

    ResponderExcluir
  5. Não gosto de verdades absolutas! Acho q elas limitam...como na época em que se acreditava que o Sol girava em volta da Terra. Era uma verdade absoluta!! E ai de quem dissesse q não!

    Post super filosófico! E os desafios realmente são desafios...

    Palavras que entrariam nessa categoria: JAMAIS. TOTALMENTE. ABSOLUTAMENTE. COMPLETAMENTE. No sentido de 8-80 das coisas...ignorando outros aspectos.

    Ou expressões: NEM UM POUCO. É ASSIM. DEVE SER (assim).

    Os clichês mesmo, são tidos como verdades absolutas compartilhadas pela sociedade ou pequenos grupos(escrevi sobre isso esses tempos: "Conhece-te a ti mesmo").

    Já me embananei...rs

    Bjos

    ResponderExcluir
  6. Vou apenas comentar para não soltar nenhuma asneira aqui... jakajkajkajakjak... mas que o universo é infinito, isso é!!!

    ResponderExcluir
  7. Te todas as alternativas ficarei com a última.
    Também duvido que o universo não tenha fim, pois acredito que isso seja somente um mero conformismo.

    Vamos lá...

    Imagine-se em um quarto fechado, onde você não possui luz (artificial ou natural), ou seja, você está em total escuridão. No entando, esse quarto só possui 2 metros quadrados. Você abre os olhos e diga-me, o quê vê?

    Eu direi o que vejo.
    Vejo várias possibilidades, vejo uma imensidão sem fim, vejo, sobre tudo, o nada.

    O que você me diz disso?

    Será o universo um grande espaço ou somente um mero escuro que não conseguimos mensurar o tamanho?

    Bom, ou então, fique com a idéia da cortina. Estamos em um palco sem luz e o que vemos de luz são meros furos que deixam a luz da plateia entrar e nos banha com tamanha inteligência.

    Perguntas e mais perguntas...

    Abraços
    PS: Ótimo Post! Parabéns.

    ResponderExcluir
  8. Vishe, me apertou sem me abraçar nesse desafio!

    Bom, acho que agora pode ser correto?

    Afinal, não existe um agora depois ou um agora anterior. É agora e pronto!

    Será que escapei pela tangente?
    hehehe

    abraço!

    ResponderExcluir
  9. A dificuldade de se pensar a respeito da verdade não é o argumento para se pensar que tudo o mais seja "verdadeiro", mais ou menos.

    A frouxidão do verdadeiro não é verdade. Isto é mais preguiça de pensar.

    Quando falamos verdade, contudo, temos que ver de onde provém o discurso que usamos. A verdade absoluta, na filosofia, está mais do lado do inefável; para a ciência, a verdade absoluta é algo que pode, sim, ser um dia alcançado. Eu diria que esta é a fé da ciência.

    Dizem, contudo, que a verdade não pode ser verdade de tudo, pois o tudo está "furado" (incompleto) desde sempre. O que fazer?

    ResponderExcluir
  10. uau! belo post...vou pensar e volto aqui! ;)

    ResponderExcluir
  11. Nossa, li todos os coments e ngm disse a outra verdade absoluta que nós SEMPRE usamos, SEMPRE hauhau.
    É uma verdade que se diz absoluta, será que é? Bom, segundo algumas teorias mais atuais o nosso universo tem um fim, mas existem outros universos finitos que juntos formam uma coisa infinita.
    Acho que quebrar uma verdade absoluta não é tão difícil assim, tudo é relativo, mas estou sem idéias no momento heheh

    ResponderExcluir
  12. Lá vai a minha verdade absoluta:

    Tudo começou quando um macaco resolveu descer da árvore e começou a andar sobre duas patas.
    Mas um numero cada vez maior de pessoas acredita que havia sido um erro terrível da espécie descer das árvores. Algumas diziam que até mesmo subir nas árvores tinha sido uma péssima idéia, e que ninguém jamais deveria ter saído do mar...

    ResponderExcluir
  13. Cara, não conhecia este espaço. Parabéns!

    Amar? Seria uma verdade absoluta? Penso que sim...

    ResponderExcluir
  14. se for ver, verdade absolutas não existe, infelizmente, tudo depende de como nós encaramos as coisas.

    ResponderExcluir
  15. Que tal a morte?????!!!!!

    ResponderExcluir
  16. O Netmax permite o envio de SMS para vários pontos do mundo e com informação de relatório! Mas o melhor é que é gratuito!

    http://www.zonafinal.com/netmax

    ResponderExcluir